O deputado federal José Airton Cirilo, esteve reunido na manhã desta segunda-feira (20), com os diretores do Hospital e Maternidade Santa Luísa de Marillac (HMSLM), de Aracati, Irmã Graça Ataíde e Júnior Porto.

O deputado federal José Airton Cirilo, esteve reunido na manhã desta segunda-feira (20), com os diretores do Hospital e Maternidade Santa Luísa de Marillac (HMSLM), de Aracati, Irmã Graça Ataíde e Júnior Porto.

“É um crime de lesa-pátria fechar um hospital como o Luísa de Marilac, que tem uma dívida de R$ 462 mil, enquanto a prefeitura prioriza gastar recursos de quase R$ 5 milhões com o carnaval.”
José Airton é um apoiador da Instituição e para 2017, já destinou Emenda Parlamentar individual para reforma do Hospital no valor de R$ 400 mil, e assumiu o compromisso de se reunir com o governador Camilo Santana para mediar e buscar uma saída para que o mesmo não venha a fechar as portas, “No que depender de mim, esse hospital não fecha, ele tem uma história, todos nós nascemos, ou temos filhos que nasceram naquela maternidade, e dinheiro não é problema, temos que ter é prioridade, e para isso vamos buscar ajuda das prefeituras, dos governos do Estado e Federal.”